quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

FC Porto vence Besiktas por 2-0 e qualifica-se para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões

Lucho festeja perante desanimo do turco

O FC Porto garantiu o apuramento para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões pela quarta vez nos últimos cinco anos, com a vitória de 2-0 sobre os turcos do Besiktas a garantir o primeiro lugar do Grupo A, algo que não acontecia desde a temporada 1996/97. O empate era suficiente para garantir o apuramento, mas o triunfo foi "ouro sobre azul" e permitiu, além da passagem, garantir o estatuto de cabeça-de-série - juntamente com Manchester United, Real Madrid, Barcelona, Chelsea, Inter e Milan. Um grupo de luxo, aos quais ainda se juntarão Sevilha ou Arsenal, que mais logo disputam entre si o primeiro lugar do Grupo H.

Os dragões, única equipa portuguesa represente nos oitavos-de-final, terá no sorteio do dia 21 de Dezembro, o privilégio de ter como próximo adversário um segundo classificado desta fase de grupos. Um aspecto benéfico retirado a par dos 3,2 milhões de euros amealhados - 2,2 milhões pela passagem aos "oitavos", mais 400 mil pela presença no desafio e 400 mil pelo triunfo.

Os dragões entraram no jogo com a óbvia intenção de respeitar as directrizes de Jesualdo, que tinha pedido paciência e inteligência, mas que não aguardaria uma atitude excessivamente na expectativa por parte dos seus comandados. E foi assim que Quaresma testou logo aos 3 minutos a atenção do veterano guarda-redes Rustu (ex Galatasary e Barcelona).

O primeiro quarto-de-hora devorador dos "dragões" e aos 12 minutos Lisandro Lopez introduz mesmo a bola na baliza, num lance invalidado por alegado fora-de-jogo do avançado argentino. Um erro da equipa de arbitragem. Esse lance fez soar o alarme nas hostes turcas, com a subida dos níveis de concentração a traduzir-se num maior equilíbrio a meio-campo. No entanto, o acerto dos visitantes ruiu por completo na recta final da primeira parte.

Lucho marcava o primeiro golo frente ao Besiktas

Rustu ainda adiou o inevitável com duas defesas fantásticas aos 41 e 43 minutos, negando o golo a Bosingwa e a Tarik Sektioui, mas a verdade é que o guarda-redes turco acabou por estar envolvido no lance que ditou o 1-0 para a equipa da casa, por sinal pelas piores razões. Faltava apenas um minuto para o intervalo quando Raul Meireles ensaiou o remate à entrada da área do Besiktas, mas o médio acertou mal na bola e a mesma acabou por sobrar para Tarik. Com Rustu a desistir do lance e a protestar fora-de-jogo, o internacional marroquino tocou para o lado, onde apareceu Lucho a marcar mais um para a sua conta pessoal.

Incapaz de lidar durante 45 minutos com a obrigatoriedade de jogar para ganhar, o Besiktas subiu finalmente no terreno após o reatamento, começando a colocar outro tipo de problemas ao último reduto "azul-e-branco". Agora com muito mais espaço para fazer uso da técnica e velocidade de elementos como Quaresma, Lisandro e Tarik, o Porto não optou por defender cedo a preciosa e decisiva vantagem, como atesta o lance protagonizado por Paulo Assunção aos 55 minutos. O médio brasileiro iniciou umas das suas raras mas sempre letais cavalgadas, antes de rematar cruzado e ao lado.

Quaresma batia Rustu no 2-0 do Porto sobre o Besiktas

O 2-0 esteve ainda mais perto de acontecer aos 61 minutos, altura em que Quaresma combinou na perfeição com Tarik, antes de cabecear para uma vistosa defesa de Rustu. Falhada a primeira oportunidade, o extremo internacional português não se fez rogado apenas um minuto volvido. Tandogan aliviou mal de cabeça e colocou a bola em Lisandro, que desmarcou de imediato Quaresma, com este a não vacilar frente ao guarda-redes e a facturar de pé direito. A noite tingia-se cada vez mais de um azul intenso.

A precisarem de marcar três golos para seguir em frente na prova, os turcos nunca lograram importunar a defesa portista, parecendo resignados ao adeus às competições europeias.
Com o resultado, o FC Porto somou 11 pontos (três vitórias, dois empates e uma derrota), enquanto o Liverpool alcança o segundo lugar e segue na Champions, o Marselha "cai" para a Taça UEFA e o Besiktas abandona as competições europeias.

Resultados do Grupo A da Liga dos Campeões 2007/2008

FC Porto - Besiktas, 2-0 (Lucho 44' e Quaresma 62')
Marselha - Liverpool, 0-4 (Gerrard 4', Torres 11', Kuyt 48' e Babel 91')

Classificação final do Grupo A da Liga dos Campeões 2007/2008

Classificação final do Grupo A da Liga dos Campeões 2007/2008

Vídeo

FC Porto 2-0 Besiktas
Lucho González 44'
Ricardo Quaresma 62'



Vem fazer parte da equipa do Desportugal (saber mais neste link)


Fotos: AP

Página Inicial

6 comentários:

  1. césar fernandes12 dezembro, 2007 08:10

    Bom jogo do FCP. Simples, sem complicar. Profissional.

    Parabéns.

    E agora é continuar a pedalar porque ainda falta um bocado para ultrapassarmos os russos e os romenos no Ranking.

    ResponderEliminar
  2. Vitória esperada e normal, frente a um adversário inferior
    O jogo com golo mal anulado.

    Depois Rustu, que até estava a jogar bem, tem um deslize que não se deve ter e Lucho muito bem a acreditar e a dar o 1º ao Porto ao intervalo

    Lucho

    Depois na 2ª parte geriu, e chegou com naturalidade ao 2º. que deu tranquilidade no resto do jogo e o 1º lugar

    Quaresma

    Agora que calhe o Schalke, nem que seja para voltarmos a jogar em Gelsenkirchen

    ResponderEliminar
  3. Parabéns ao Porto pela vitória, que foi justa pelo que fizeram no jogo, e que cheguem longe na champions...

    cumps

    ResponderEliminar
  4. Vitória incontestável e merecida passagem aos oitavos daquela que provou ser a melhor equipa do grupo nesta fase, atestada pelo primeiro lugar do referido grupo, isso idependentemente da derrota em Liverpool. O primeiro lugar dá garantia de jogar contra um segundo de outro grupo mas acredito que este Porto pode ganhar a qualquer um.

    Grande exibição onde destaco Quaresma, Lucho e Bosingwa.

    ResponderEliminar
  5. O Porto já fez o seu trabalho e agora tudo o que vier é bom, para o clube e para o RANKING.

    Qt ao Benfica e ao Sporting, desejo boa sorte e esses é que terão de somar o maior número de pontos possíveis no RANKING UEFA para Portugal pois é uma competição teoricamente mais fácil.

    ResponderEliminar
  6. Espero que o Sporting hoje ajude, precisamos de 1 vitória moralizadora e do guito $$$$ e do ranking como dizem.
    Saudações

    ResponderEliminar

Home - Desportugal - Blog de Notícias Desportivas