sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Taça UEFA : Resultados da 1ª jornada - Braga empata 1-1 com Bolton. Bayern opera reviravolta frente ao Estrela Vermelha

Jailson festeja o golo do empate frente ao Bolton (Home)

O Sporting de Braga começou com um resultado positivo a participação no Grupo F da Taça UEFA, empatando 1-1 em Bolton, num Reebok Stadium muito despido de público (10 mil pessoas). A carreira do clube inglês tem sido uma decepção esta temporada, encontrando-se no último lugar da Premiership. El Hadji Diouf e Jailson saltaram do banco para marcar. Pela primeira vez, os arsenalistas deixam Inglaterra sem uma derrota.

O primeiro sinal de perigo apareceu pelos ingleses aos 8 minutos, com o francês Anelka a tentar a sorte num livre. No mesmo minuto Jorginho assustou Jaaskelainen, mas o remate furou as nuvens. Até aos 20 minutos, o Sporting de Braga dominou a partida através da “sociedade” formada a meio-campo por Vandinho e Castanheira. Aos 12’ César Peixoto aqueceu pela primeira vez as mãos ao guarda-redes finlandês. O Bolton respondia através de um futebol primário, tipicamente à inglesa. Aos 21’ Kevin Davies cabeceou por cima, e aos 23’ Anelka, isolado, fez umchapéu curto para a mãos de Paulo Santos. O Braga respondeu com dois remates de Wender.

Na segunda parte, o Braga foi-se encolhendo, principalmente depois da entrada do senegalês Diouf, que marcou aos 66’, de cabeça, aproveitando uma “cratera” aberta na área. Mal sofreu o golo, Jorge Costa lançou Zé Manuel, que pouco depois sofreu um penálti, não assinalado pelo árbitro. Peixoto ainda obrigou Jaaskelainen a boa defesa, mas já perto do fim João Pereira encontrou a cabeça de Jailson (emprestado pelo Benfica), que fez o merecido empate. Na próxima jornada o Braga folga, recebendo depois na 3ª jornada o colosso Bayern de Munique no Municipal.

Getafe bateu Tottenham em Londres

Já o Bayern Munique apanhou um valente susto em Belgrado, mas acabou por bater o Estrela Vermelha, por 2-3. Apontado como grande favorito à vitória na Taça UEFA, o Bayern Munique só no último minuto dos descontos (94´) conseguiu chegar à vantagem. Para isso contou com a colaboração do guarda-redes do Estrela Vermelha, que deixou passar uma bola perfeitamente defensável num livre de Kroos. O Estrela Vermelha, com Lucas a tempo inteiro, esteve duas vezes na frente do marcador, graças aos golos de Koromam (16 m) e Milijas (75 m). O bis de Klose (20 e 86 m) evitou o escândalo, mas os alemães ainda chegariam ao triunfo quando já ninguém o esperava.

O destaque vai para as vitórias fora do Zurique (Grupo E) e do Getafe (G), que superaram o Sparta Praga e o Tottenham, respectivamente, ambos por 2-1, depois de terem estado a perder. A consequência da derrota da equipa de Ricardo Rocha foi Imediata, com o treinador Martin Jol a demitir-se. O Tottenham é que não perdeu tempo e já tem sucessor do holandês, nada mais do que Juande Ramos, ex-treinador do Sevilha e campeão das últimas edições da Taça UEFA.

Além do Bayern Munique, só mais três equipas conseguiram ganhar fora de portas - o Hamburgo (1-0 em Brann) e os já referidos Zurique (Suíça) e Getafe (Espanha). Ao todo registaram-se dez vitórias e seis empates, todos com golos.

Entre os portugueses, Carlitos foi titular na vitória do Basileia (1-0 ao Rennes), enquanto Nuno Valente não saiu do banco no triunfo do Everton sobre o Larissa (3-1). Simão, substituído aos 69 minutos, e Maniche, que jogou os últimos 15 minutos, ajudaram o Atlético Madrid a empatar (3-3) com o Lokomotiv, em Moscovo. Geraldo e Manú, que saiu ao intervalo, contribuíram para o empate (1-1) do AEK em Elfsborg.O Panatinhaikos de José Peseiro conseguiu a vitória mais expressiva da primeira jornada com 3-0 sobre os escoceses do Aberdeen.

Resultados da 1ª jornada da fase de grupos da Taça UEFA 2007/2008

Grupo A

Zenit - AZ Alkmaar, 1-1 (Tymoschuck 43' gp; Ari 20')
Everton - Larissa, 3-1 (Cahill 14', Osman 50', Anichebe 85'; Cleiton 65')

Grupo B

Panathinaikos - Aberdeen, 3-0 (Goumas 11', Papadopoulos 73', Salpiggidis 77')
Lokomotiv Moscovo - Atlético Madrid, 3-3 (Bilyaletdinov 27', Odemwingie 61', 63'; Agüero 16', 85', Forlán 46')

Grupo C

Elfsborg - AEK Atenas, 1-1 (Mobaeck 15'; Pappas 49')
Villarreal - Fiorentina, 1-1 (Capdevila 88'; Vieri 48')

Grupo D

Brann Bergen - Hamburgo, 0-1 (Kompany 62')
Basileia - Rennes, 1-0 (Streller 55')

Grupo E

Sparta Praga - Zurique, 1-2 (Slepicka 24'; Kondé 38', Alphonse 62')
Bayer Leverkusen - Toulouse, 1-0 (Kiessling 34')

Grupo F

Bolton - Sp. Braga, 1-1 (Diouf 65'; Jailson 86')
Estrela Vermelha - Bayern Munique, 2-3 (Koroman 15', Milijas 75'; Klose 20', 85', Kroos 92')

Grupo G

Tottenham - Getafe, 1-2 (Defoe 17'; Del la Red 20', Nobrega 70')
Anderlecht - Hapoel Telavive, 2-0 (Frutos 35', 70')

Grupo H

Helsingborg - Panionios, 1-1 (Larsson 83'; Goundoulakis 46')
Bordéus - Galatasaray, 2-1 (Cavenagi 52', Chamakh 64'; Hasan Sas 22' gp)

Vídeos

Bolton 1-1 Sp. Braga
Diouf 65'
Jailson 86'


Villarreal 1-1 Fiorentina
Vieri 48'
Capdevila 88'


Tottenham 1-2 Getafe
Defoe 17'
Del la Red 20'
Nobrega 70'


Estrela Vermelha 2-3 Bayern Munique
Koroman 15'
Klose 20', 85'
Milijas 75'
Kroos 92'


Brann Bergen 0-1 Hamburgo
Kompany 62'


Bayer Leverkusen 1-0 Toulouse
Kiessling 34'


Everton 3-1 Larissa
Cahill 14'
Osman 50'
Cleiton 65'
Anichebe 85'


Lokomotiv Moscovo 3-3 Atlético Madrid
Agüero 16', 85'
Bilyaletdinov 27'
Forlán 46'
Odemwingie 61', 63'


Bordéus 2-1 Galatasaray
Hasan Sas 22'
Cavenagi 52'
Chamakh 64'



Vem fazer parte da equipa do Desportugal (saber mais neste link)


Fotos: AP + Às

Página Inicial

9 comentários:

  1. O Jorge Costa é um treinador com a mentalidade à "antiga Portuguesa", daquele tipo de treinadores que já nem apareciam assim novos há uns dez anos, do género do Vítor Manuel e muitos mais, que só pensa em defender, e que só ataca depois de estar a perder.

    ResponderEliminar
  2. daniel silveira26 outubro, 2007 07:35

    Neste momento o Bolton é fraco, não tem confiança e em nada é abonador da poderosa liga inglesa. O Braga apresentou-se igual ao Braga que temos visto - meio campo sem ideias e permissivo, sem ordem, pouco agressivo e com extremos inúteis. Demorou (o Braga) uma eternidade a perceber o mau momento dos ingleses, e jogou “naturalmente” tolhido de ambição. À partida, quase todos nós assinaríamos de cruz o empate antes do jogo. Convenhamos que não é um mau resultado. Mas devíamos ter percebido mais cedo que a vitória poderia estar ali tão perto. Mas pronto... mesmo assumindo que o empate seria o objectivo, havia necessidade de fazer tão má 1.ª parte?
    O golo de Diouf veio animar o jogo (fico na dúvida se P. Santos teve alguma responsabilidade no lance do golo, pois a bola cai na pequena área. Mas pôrra... devia estar ali um central, no mínimo a estorvar o gajo que cabeceou! E o J. Pereira não pode marcar dois avançados ao mesmo tempo!). Mas este golo veio confirmar o que mencionei anteriormente: um Braga a querer ganhar, poderia ter saído de Inglaterra com os 3 pontos. E não era preciso jogar muito, era apenas preciso fazer o que fizemos depois de estar a perder. Podíamos sofrer golos? Claro que sim, mas se calhar saíamos dali com um 1-3, ou um 2-4, sei lá!
    Há que dizer, grande golo do Jaílson! Excelente execução.
    Ficou uma grande penalidade por marcar a favor do Braga.

    ResponderEliminar
  3. Muito bom!

    Vi o jogo, e se o Braga perdia aquele jogo era uma grande injustiça. Mereceram este ponto precioso, e felizmente que o Bayern deu uma ajuda, porque lá ganhou o que acaba por ser bom para o Braga.

    ResponderEliminar
  4. O Braga merecia a vitória, visto que o receberá o Bayern e com o momento actual do Bolton o Braga deveria de ter procurado mais a vitória, com o golo o Braga passou a jogar como deveria ter feito desde o inicio e viu-se como o Bolton tremeu quando o Braga partiu em busca do empate, tem capacidade para passar neste grupo este Braga.

    ResponderEliminar
  5. Que frango que o guarda redes do Estrela Vermelha deu no 3ºgolo.
    Bom resultado para o Braga.

    ResponderEliminar
  6. As minhas duas equipas preferidas da UEFA jogaram hoje frente-a-frente. Villarreal e Fiorentina deram um bom espectáculo e gostava que 1 delas vencesse. Se não for nenhuma destas, pode ser o Braga.

    ResponderEliminar
  7. O Sevilha vai perder muito com a saida de Juande Ramos. Foi umm treinador que devolveu o Sevilha aos grandes palcos e ás grandes conquistas europeias dos últimos 2 anos.

    Curioso éo facto de cada vez mais a liga inglesa apostar nos treinadores latinos para as grandes equipas.

    ResponderEliminar
  8. Obrigado pela visita ao meu blog, nuno gonçalo. volta sp. amanhã vou postar uma taça com leite condensado, natas e bolachas molhadas em molho de chocolate e vinho do porto. n é uefa, mas tá lá ;)
    bj

    ResponderEliminar
  9. Oh Mucha que delícia! Esta semana vou ficar viajar e terei que cozinhar(coisa que sou 0. Vou passar pelo teu blog para ver se me safo. heheh

    Bj

    ResponderEliminar

Home - Desportugal - Blog de Notícias Desportivas