domingo, 1 de março de 2009

Liga Portuguesa: 20ª jornada - FC Porto e Sporting empatam 0-0 no Dragão e Benfica aproveita

Tarik pegado com Tiago

Estavam nas previsões de todos assistirmos a dois grandes jogos de futebol no Dragão e na Luz com os quatro primeiros classificados a defrontarem-se entre si, mas sairam goradas as expectativas quanto a grande espectáculo.

No jogo entre leões e dragões apenas uma jogada de verdadeiro frisson, de resto muito nervo e bastantes quezílias marcaram o último grande clássico para o campeonato desta época na Liga Portuguesa. Na Luz, o jogo também deixou muito a desejar, tirando os últimos 20 minutos quando o Benfica em inferioridade númerica sofreu um golo e teve que se aguentar. Ai pelo menos valeu o público que deu uma grande atmosfera ao jogo, com muito confusão também à mistura.

Com isto tudo, os maiores dividendos vão para o Benfica que estão agora a 2 pontos do FC Porto, deixando o campeonato em aberto quanto ao vencedor. O mesmo serve ao Sporting, que embora esteja a quatro pontos dos dragões mantém objectivos intactos.

Joao Moutinho numa queda aparatosa

FC Porto e Sporting empataram 0-0 no Dragão. As dez rondas até final da Liga vão ser quentinhas! O total de oito minutos (cinco só no primeiro tempo) de descontos do último clássico da época ilustra bem o que se passou no relvado. Ocasiões de golo, apenas duas, uma para cada lado, com a do Sporting a terminar no ferro da baliza de Helton, por Liedson. No início da partida, tinha sido Pereirinha a tirar sobre a linha de golo uma cabeçada de Rodríguez.

Pouco, muito pouco. Jesualdo Ferreira optou por Pedro Emanuel para o lugar de defesa-direito, na única novidade portista, enquanto Paulo Bento remodelou grande parte do onze após o descalabro da Liga dos Campeões. Na defesa apenas sobreviveu Polga e Pereirinha surgiu no meio-campo, empurrando Moutinho para a posição dez, ficando Romagnoli no banco. Longe do fulgor de Madrid, o FC Porto sentia problemas para encontrar espaço entre a bem escalonada linha defensiva contrária. Hulk não conseguia embalar, Lisandro via-se obrigado a procurar terrenos mais recuados e Tiago nunca passou por apertos. Quanto aos leões, entraram cautelosos e só desenvolveram o seu jogo perto do intervalo, quando Liedson acertou no poste.

Rodriguez tentava perante a defensiva leonina

O espectáculo melhorou qualquer coisita no início da segunda metade, muito por culpa do FC Porto, que reentrou mais dinâmico e a explorar os flancos. Em poucos minutos, Hulk, na direita (onde estava Caneira, pois Grimi saiu lesionado aos 29'), e Rodriguez, na esquerda, fizeram mais do que antes do descanso. Mas o Sporting não demorou a reequilibrar, numa altura em que o FC Porto ficou sem laterais de raiz – Cissokho magoou-se, Pedro Emanuel passou para a esquerda e Tomás Costa entrou para a posição do capitão. A recta final do jogo ficou marcada por mais quezílias e pelo pouco risco que as equipas correram.

A melhor forma de caracterizar este jogo é dividi-lo recorrendo à sua intensidade, que foi muito maior na primeira parte do que na segunda. Nesta, assistimos a um jogo fraco e em que foi visível o cansaço de ambas as equipas. Sem frescura física não há dinâmica nem oportunidades de golo - daí ter-se jogado muito entre as áreas mas pouco dentro delas.

Estranhamente, no caso do FC Porto – vencendo, arrumava quase com o rival e segurava quatro pontos sobre o Benfica –, não tanto para o Sporting, que teve vergonha na cara – recuperou animicamente do desastre europeu – e manteve-se vivo na Liga, ainda que a quatro pontos (são cinco por causa do confronto directo) do topo.

Luisão tentava de pontapé de bicicleta e quase conseguia frente ao Leixões

O Benfica tem razões para ficar mais satisfeito, numa altura em que o clube festeja o seu 105.º aniversário, depois da vitória de sexta-feira sobre o Leixões por 2-1. Os homens de Matosinhos não conseguiram repetir os exitos do Dragão e de Alvalade e os encarnados irão tirar vantagens do FC Porto-Sporting desta noite. Quique Flores colocou Rúben Amorim no centro, ao lado de Katsouranis, regressando a uma fórmula que tinha experimentado em alguns períodos dos dois últimos jogos, com Di María do lado direito. O antigo médio do Belenenses deu uma dinâmica de passe que baralhou por completo o tridente de médios do Leixões.

Pablo Aimar também começou o jogo com velocidade e os extremos não paravam quietos. Por isso, o Benfica teve um dos melhores inícios da época. E, apesar de até essa altura não ter criado grandes oportunidades, o golo obtido aos 16' acabou por ser natural, embora fruto de dois erros primários da defesa do Leixões: Laranjeiro deixou fugir Reyes e Élvis, com espaço para fazer um corte limpo, marcou na própria baliza. A vantagem fez os encarnados recuar, permitindo mais jogo aos homens de Matosinhos. Zé Manuel e Diogo Valente começaram finalmente a aparecer, mas apenas com cruzamentos inofensivos.OBenfica procurava agora aproveitar os espaços que se abriam perto de Beto, com Cardozo a fazer de parede para muitas tabelas com os outros homens da frente. Mas só um pontapé de bicicleta de Luisão após canto de Reyes é que assustou Beto.

José Mota (Treinador do Paços) e Quique Flores (treinador do Benfica) pegaram-se durante o jogo na Luz

O início da segunda parte mostrou a pior versão do Benfica. Passes desconexos, zero ideias e bolas sucessivas nos pés dos médios do Leixões. A equipa de José Mota aproveitou e começou a criar mais perigo do que na primeira parte, mas sofreu um rude golpe quando Élvis deixou fugir Cardozo para um cruzamento de pé direito. Nuno Gomes, acabado de entrar, marcou o segundo. Suspirou-se na Luz, com a sensação de que o jogo estava acabado. Mas o golpe de teatro aconteceu pouco depois, quando Carlos Martins se lesionou e o Benfica ficou reduzido a 10, pois já não tinha mais substituições. Rodrigo Silva marcou para o Leixões praticamente na mesma altura, lançando uma tempestade de nervos para os últimos 15 minutos. José Mota e Quique pegavam- se nos bancos, fazendo as câmaras desviarem- se do que se passava em campo. O Benfica, com algum custo, manteve a vantagem até final. Merecida, mas com muito suor.

Nos outros jogos, destacar mais uma vez o Nacional da Madeira, que até esteve a perder frente à Académica, mas conseguiu no final vencer por 3-1. Mas a grande novidade é a iminente transferência de Nené - melhor marcador da Liga com 15 golos (marcou neste jogo), para o Lokomotiv de Moscovo numa transferência a rondar os três milhões de euros. Dententor de 75 por cento do passe, estando os restantes 25 na posse do jogador e do seu empresário, o Nacional faz um négocio e pêras em apenas 6 meses de estadia no nosso futebol.

Em grande esteve o Marítimo, capaz de aplicar a chapa 5 ao Vitória de Setúbal e logo no jogo em que o seu novo treinador, Carlos Carvalhal, reencontrou a ex-equipa. E, para que o entusiasmo não apareça, de referir a agonia do Setúbal, sem Direcção e sem direcção. Sem muito futebol para discutir, refira-se também que o Estrela da Amadora não paga salários, mas é oitavo classificado, e enumere-se o Belenenses e o Rio Ave como exemplos de clubes que trocaram de treinador, mas que continuam afundados na classificação.

Resultados da 20ª jornada da Liga Portuguesa - Liga Sagres 2008/2009

Benfica - Leixões, 2-1 (Élvis 16' p.b. e Nuno Gomes 67'; Rodrigo 74')
FC Porto - Sporting, 0-0
Marítimo - Vitória Setúbal, 5-1 (Robson 16' p.b., Baba 20', 47' e 59' e Marcinho 67'; Michel 94')
Trofense - Estrela Amadora, 1-1 (Chad 69'; Jardel 10')
Belenenses - Naval, 1-2 (Wender 45'; Godemèche 20' e Gilmar 92')
Nacional - Académica, 3-1 (Nené 31' e Mateus 72' e 89'; Lito 20')
Paços Ferreira - Rio Ave, 2-0 (Leandro Tatu 54' e Rui Miguel 66')
Sp. Braga - Vitória Guimarães, 1-0 (Paulo César 8')

Classificação da Liga Portuguesa (Liga Sagres) 2008/2009

Tabela Classificativa em Portugal

Vídeos

Benfica 2-1 Leixões
Élvis 16' p.b.
Nuno Gomes 67'
Rodrigo 74'



FC Porto 0-0 Sporting


Sp. Braga 1-0 Vitória Guimarães
Paulo César 8'











Add to Technorati Favorites

Fotos: AP

Página Inicial

2 comentários:

  1. Mota espero que mostres essa motivação toda com o Porto na proxima jornada

    ResponderEliminar
  2. Notícias insólitas com imagens e vídeos, actualizado diariamente!
    http://melhor-pior.blogspot.com

    ResponderEliminar

Home - Desportugal - Blog de Notícias Desportivas