segunda-feira, 23 de abril de 2007

Sporting goleia Naval por 4-0 antes do derby na Luz (vídeo)

Moutinho voltou a marcar na goleada de 4-0 à Naval

O Sporting bateu, em Alvalade, a Naval por 4-0. Noite de glória para Alecsandro que apontou os 3 golos leoninos. O brasileiro cedo resolveu o jogo ao apontar dois golos nos primeiros 15 minutos. Já perto do final o avançado brasileiro completou o «hat-trick» e João Moutinho engordou os números com uma grande penalidade. O Sporting não desarma e mantém a segunda posição antes da deslocação à Luz na próxima semana.

O Sporting está bem. Há 5 jogos que não sofre golos, há 6 jogos que só sabe vencer, 8 golos nos últimos 2 jogos... tudo isto são sinais de força de um Leão que, além de tudo, pratica um bom futebol.
Frente à Naval, os comandados de Paulo Bento foram sempre superiores, liderados na primeira parte por Nani, e com Romagnoli a continuar a dar boas indicações nesta segunda metade da temporada

Havia a curiosidade de saber se os leões iriam conseguir manter a tendência dos últimos jogos em casa, em que cedo conseguiu uma vantagem confortável. Não é que os leões tenham entrado a todo o gás, mas logo aos cinco minutos Moutinho assistiu Alecsando para um remate ao poste.

Mariano Barreto adaptou a estratégia da sua equipa ao losango do Sporting. A Naval apareceu assim com um losango, cujo objectivo era marcar as pedras do meio campo leonino. Um desastre. Os leões fizeram o que quiseram de um adversário apático e bastante permissivo, que por vezes parecia deliciar-se com as rápidas trocas de bola da equipa de Paulo Bento.

E que mais podia querer o Sporting? Um brinde, pois claro! E foi isso que Taborda fez aos 11 minutos, quando deixou um livre de Nani passar à sua frente. A bola bateu no poste e Alecsandro limitou-se a empurrar de cabeça para o fundo das redes. O mais difícil estava feito. Três minutos depois, um canto na esquerda foi parar à cabeça de Liedson, incrivelmente esquecido na área! Taborda fez uma defesa impossível, mas na recarga Alecsandro bisou.

Os leões dominavam o jogo como queriam, com o seu meio campo a abrir muitos espaços para entrar na área contrária. Liedson obrigou Fernando a uma grande defesa e Nani cebeceou ao poste. A Naval? Pouco chegou à área de Ricardo, mas Fernando ainda cabeceou ao poste e Nei falhou um golo feito.

No segundo tempo, o Sporting economizou energias, poupando esforços para o dérbi. A estratégia passava então em fazer a Naval avançar no terreno para aproveitar em contra-ataque os espaços abertos atrás. Logo a abrir ficou um penálti por marcar de Mário Sérgio sobre Liedson. Depois, até deu para poupar Polga e Liedson, que corriam o risco de ver um amarelo que os tirasse do dérbi. A estratégia de Paulo Bento funcionou às mil maravilhas e os dois brasileiros acabaram por não fazer falta para o resto da partida. É que estava lá o inspirado Alecsandro, que ainda chegou ao hat-trick, num golo a “meias” com Mário Sérgio. E para terminar em festa, João Moutinho marcou de penálti o 4-0 final.

Para a semana, o Sporting surgirá com um ponto de vantagem sobre o seu rival de sempre, mas como todos sabemos nem sempre a equipa que surge melhor classificada no clássico acaba por vencê-lo, por isso.... resta-nos esperar para ver.
Um jogo que pode decidir muito no que toca a um lugar na Liga dos Campeões, mas que também pode ser importante na discussão do título.

Sporting 4-0 Naval
Alecsandro 11', 14', 81'
Moutinho 93'


Foto: Mais Futebol

Página Inicial

5 comentários:

  1. Boa vitória.

    Alecsandro melhor em campo pelos três golos marcados, mas ninguém se destacou assim muito. O que até pode ser bom, é sinal que a equipa está coesa, e ninguém se sobressai

    Venha o próximo. /slb

    ResponderEliminar
  2. Gostei do jogo. Começámos muito bem e marcámos 2 golos. Depois diminuimos o ritmo mas ainda tivemos bastante oportunidades de marcar. O cabeçeamento do Nani ao poste, a grande defesa do Taborda a remate de Liedson, falhanço do Liedson(aquele que os comentadores dizem ser penalti, que a mim não me pareceu) e na mesma jogada o falhanço do Romagnoli.

    Gostei das palmas para o Delfim, campeão pelo Sporting ao fim de 18 anos. Tinhamos 1 meio campo excelente. Vidigal a jogar muito, Duscher que estava em todo o lado e os livres do Delfim eram fabolosos.

    ResponderEliminar
  3. tiago monteiro23 abril, 2007 06:12

    O Sporting tem mostrado nos últimos jogos como se entra em campo... A matar! Dois golos nos primeiros minutos para tirar quaisquer hipóteses de recuperação aos adverários e, desse modo, gerir a partida até ao fim.

    Vamos ver como será na Luz na próxima semana. Depois dos últimos resultados dos leões, o derby poderá ser ainda mais emocionante.

    Espero que o Simão recupere e que o Benfica não deixe o Sporting impor o seu jogo como o fez no Dragão. Caso contrário, poderá ter dissabores.

    ResponderEliminar
  4. um bom jogo.poucas faltas, boas jogadas, bons golos,boas defesas...sim senhor que o futebol seja sempre assim!

    ResponderEliminar
  5. Vejam:

    http://portugueses-irritantes.blogspot.com

    e ajudem a eleger aquele que será o mais irritante de todos os portugueses eleito pelos seus próprios compatriotas.

    PARTICIPA!

    ResponderEliminar

Home - Desportugal - Blog de Notícias Desportivas