segunda-feira, 23 de abril de 2007

FC Porto vence Belenenses por 3-1 e encontra-se a três vitórias do título (´vídeo)

Adriano abriu a contagem na vitória sobre o Belenenses

O FC Porto bateu o Belenenses por 3-1 e conseguiu assim segurar a preciosa vantagem sobre os seus directos competidores. Adriano marcou o primeiro logo a abrir o jogo e Lucho aumentou de grande penalidade. No segundo tempo, Nivaldo reduziu, mas Bruno Alves fechou as contas. A 4 jogos do final do campeonato faltam 3 vitórias para os dragões revalidarem o título.

A celebrar os 3 milhões de espectadores no Dragão, o FC Porto entrou com Raul Meireles de regresso à titularidade em vez de Cech. Os dragões entraram bem e rapidamente abriram o marcador. Hélder Postiga rematou para uma defesa incompleta de Marco Gonçalves e, na recarga, Adriano fez o 1-0.

A reacção do Belenenses era ténue e o primeiro remate só surgiu aos 39’, por Silas. Perto do intervalo, Rolando embrulhou-se com Fucile na grande área,mas o árbitro não assinalou o castigo máximo. Já nos descontos, o FC Porto chegou ao 2-0. Boa abertura de Raul Meireles para Adriano, o brasileiro foi derrubado por Marco Gonçalves na grande área e o árbitro, desta vez, decidiu bem. Lucho apontou o penálti e elevou a contagem.

O Belenenses surgiu no segundo tempo com outro rendimento. E depressamarcou.Na sequência de um canto apontado por Zé Pedro, surgiu Nivaldo, sem marcação, a fazer o 1-2 e a reacender a luta no jogo. Mas pouco depois o guardião Marco Gonçalves lesionou-se e foi substituído por Costinha.

Com Anderson e Lisandro em campo, mas sem mexer com a táctica, o FC Porto voltou à carga e, num minuto, Adriano, por duas vezes ambas após cruzamento de Bosingwa, atirou à barra. A vantagem mínima não sossegava os portistas. Aos 76’, Bruno Alves marcou, mas estava em fora-de jogo. Pouco depois (80’), após um falhanço de Lucho, o brasileiro Fernando, isolado, atirou ligeiramente ao lado.

Melhor esteve o FC Porto que, a quatro minutos do fim, resolveu definitivamente o jogo. Quaresma apontou um canto e Bruno Alves desviou para o 3-1, no terceiro golo do encontro de bola parada. Estava tudo decidido e o público acabou em festa e a cantar por Pinto da Costa…

O FC Porto a 3 vitórias do final e ainda à espera do embate entre Benfica e Sporting na próxima jornada que certamente irá fazer um dos adversários perder pontos.

FC Porto 3-1 Belenenses
Adriano 9'
Lucho 47'
Nivaldo 49'
Bruno Alves 86


Foto: Mais Futebol

Página Inicial

7 comentários:

  1. Resultado normal, num jogo que rendeu o que se esperava. Felizmente a 2ª parte foi um bocadito melhor que a primeira. Devido, principalmente, ao facto do Belenenses ter conseguido um golo caído do céu o que fez com que eles pensassem ser possível discutir o resultado. O jogo acabou com o 3º golo, amplamente justificado, do FC Porto.

    Parabéns ao FC Porto pela gestão e controlo do jogo e do resultado. Jogando qb para assegurar o seu objectivo.
    Parabéns ao Belenenses porque foram honestos durante o jogo. Não estacionaram o autocarro. Jogaram o que conseguiram, nos momentos em que o FC Porto lhes permitiu que o fizessem.
    Não dou os parabéns ao árbitro. Foi algo caseiro. E não foi mais porque não foi necessário. Mas não teve qualquer influência na partida.

    Espero que a lesão do Marco não seja grave e que recupere completamente para ser opção válida na próxima época.

    ResponderEliminar
  2. Enfim, resultado excelente para as nossas pretensões e adequado às incidências da partida.

    Muito rapidamente, apenas destacar Bruno Alves, a cair cada vez mais nas boas graças do público e a justificar a braçadeira de capitão; Adriano, que marcou e tudo fez para repetir a dose e, por fim, José Bosingwa em mais uma exibição monumental para seleccionador ver

    ResponderEliminar
  3. manuel videira23 abril, 2007 06:09

    Mais 3 pontos e o título está mais perto, muito mais perto. Excelente início de jogo com o Porto a querer decidir o jogo rapidamente. Adriano marcou mais um provando que está num grande momento e esse "flop" chamado Lucho González marcou o 2º. Na segunda parte, o Porto tirou o pé do acelerador e o Belém chegou ao golo. Tivemos ainda duas bolas a embater na barra e por fim, chegou o 3-1 por parte de um jogador que tem crescido muito, Bruno Alves.

    Destaques individuais para Bruno Alves, Bosingwa, Adriano e Lucho

    ResponderEliminar
  4. foi um jogo atitipico onde FCP apareceu descansado após 1 golo e tentou descansar até que chegou ao 2-0 num penaltie no final da 1parte perante um Belem a dormir. Na 2parte o Belem acordou,reduziu e pôs em sentido a equipa portista que ainda ampliou marcha para o 3-1 e ficou assim até final.

    Faltam 4 jornadas onde só restam 9 pontos para ser bicampeões mas ainda não deito já foguetes...Temos jogo complicado no Bessa e se FCP conquistar 3 pontos lá..dificilmente o titulo fugirá ao FCP.

    ResponderEliminar
  5. Creio que a chave do campeonato está no próximo jogo no Bessa, caso o Porto vença. Se o fizer, acredito que terá dado o derradeiro passo para selar o campeonato.

    ResponderEliminar
  6. O BELÉM FAZ 2 JOGOS EM 72 HORAS !!!

    OK . ESPERO QUE QD O PORTO PRECISAR (PARA O ANO_), NINGUÉM DÊ OPORTUNIDADE DE ADIAREM O JOGO , TAL COMO FIZERAM AO BELENENSES ..
    SÃO UMA VERGONHA , JESUALDO ESTÁS UM PALHAÇÃO-MOR !

    ResponderEliminar
  7. Vejam:

    http://portugueses-irritantes.blogspot.com

    e ajudem a eleger aquele que será o mais irritante de todos os portugueses eleito pelos seus próprios compatriotas.

    PARTICIPA!

    ResponderEliminar

Home - Desportugal - Blog de Notícias Desportivas