domingo, 22 de abril de 2007

Benfica goleia Marítimo por 0-3 no regresso às vitórias (vídeo)

Benfica regressou às vitórias na Madeira

O Benfica venceu na Madeira o Marítimo por 0-3. O herói da partida foi o italiano Miccoli que apontou dois golos dos encarnados na segunda parte, depois de ter enviado um remate ao poste no primeiro tempo. Katsouranis fechou as contas do jogo ao apontar uma grande penalidade já no período de compensação. 5 Jogos depois, o Benfica tem uma importante vitória antes da recepção ao Sporting. O Sporting vê-se obrigado a vencer a Naval para manter a segunda posição no campeonato.

O triunfo indiscutível dos “encarnados”, teve como base as inúmeras facilidades defensivas concedidas pelos madeirenses. Com isso, o Benfica que inicialmente dera mostras de uma grande intranquilidade, fruto dos mais recentes resultados, acabou por adquirir a serenidade necessária para construir um robusto triunfo .

A equipa de Fernando Santos entrou melhor no jogo, desfrutou de uma soberana ocasião para marcar, mas depois foi confrontada com a ousadia maritimista que, pautando o seu jogo pelas alas, intranquilizou a defesa adversária.

As oportunidades criadas pelo ataque maritimista, invariavelmente mal finalizadas, prolongaram o “nulo” até ao intervalo. Pelo meio, ficou o primeiro grande erro de Paulo Baptista, ao não assinalar uma grande penalidade, ignorando um lance em que Petit meteu a mão à bola na área “encarnada”.

A lesão de Wênio, obrigou o técnico maritimista a uma alteração imprevista ao intervalo que acabou por fragilizar o meio-campo, uma vez que, até então, o brasileiro se cotava como o melhor entre os “verde-rubros”.

O Marítimo “abanou” na sua estrutura e aos 54’ Katsouranis aproveitou uma impensável facilidade defensiva para servir Miccoli que não perdoou. O italiano voltou a facturar aos 78’, assistido por Rui Costa, que contou também com um novo brinde defesivo da defesa insular, sentenciando a partida.

O Marítimo tentou reagir às adversidades, numa altura em que pouco ou nada havia já a fazer para alterar um jogo que estava praticamente resolvido. Contudo, Paulo Baptista encontrou motivos, desta feita, para assinalar uma grande penalidade, ao sancionar um lance protagonizado por Milton do Ó, considerando que o defesa madeirense teria feito falta sobre o recém entrado Manú. Na cobrança do castigo máximo, Katsouranis fez o 0-3.

Os encarnados regressaram às vitórias depois de 1 derrota e 4 empates nos 5 últimos encontros. O Benfica assume provisoriamente o 2º lugar e espera pelo desfecho do jogo do rival da 2ª circular que irá ditar qual dos dois estará na frente à entrada para o embate entre ambos na próxima semana.

Marítimo 0-3 Benfica
Miccoli 55', 79'
Katsouranis 96'



Foto: Reuters

Página Inicial

5 comentários:

  1. Vitória justa. Muito se deveu ao aparecimento em jogo de três jogadores: Rui Costa, Miccoli e Katsouranis. O futebol praticado continua a ser sofrível, mas chegou para o Marítimo.

    ResponderEliminar
  2. daniel infante22 abril, 2007 19:00

    Grande jogo do shôr arbitro. Sem dualidade de critérios. Muito bem ao não ver o petit a jogar com o braça dentro da grande area, muito bem ao não dar cartão ao nelse por 1 entrada brutal, muito bem ao não marcar falta e mostrar cartão ao David Luis quando o Mbesuma ficava isolado.

    Assim...é facil.

    ResponderEliminar
  3. Falando do jogo, a vitória é justíssima mas tenho a lamentar que o Benfica tenha sido beneficiado pelo palhaço do Paulo Baptista. Vá lá é que somos só beneficiados quando estamos longe dos nossos objectivos ou esporadicamente, deve ser para disfarçar a vergonha que estes senhores fazem contra o Benfica.

    É um facto que o Petit faz penalty, tal como o Ricardo Costa a semana passada em Coimbra. Dois casos semelhantes mas que mesmo assim no caso do Petit por vestir de vermelho (ou cinzento) é um penalty escandaloso ao contrário do Ricardo Costa que não era penalty e que para alguns a bola até lhe bate primeiro no joelho e depois é que vai no braço.
    É um facto que não existe penalty contra o Marítimo, no penalty que deu o 3-0 ao Benfica. É tão verdade que não existe penalty pois o jogador do Marítimo toca primeiro na bola, como é verdade que um certo "assassino" tenha arrumado de propósito o Ronaldinho ou sucessor deste por também tocar primeiro na bola.

    E por aqui me fico...penso eu por enquanto. Venha o Sporting..

    ResponderEliminar
  4. Foi merecido num péssimo jogo de futebol...

    Falta agressividade ao jogo do Benfica, vão valendo alguns bons executantes.

    Bem Rui Costa e Micolli. Nelson falhou menos do que o costume e Karagounis vai jogando sempre bem.

    Muito mal os centrais, Leo andou um bocado as aranhas, Nuno Gomes não dá uma para a casca, Derlei é uma nódoa e Petit e Karagounis, apesar de não jogarem mal não ofereceram nada ao jogo

    ResponderEliminar
  5. Força EUSÉBIO - PANTERA NEGRA .

    Força Benfica !

    ResponderEliminar

Home - Desportugal - Blog de Notícias Desportivas