quarta-feira, 7 de fevereiro de 2007

Portugal venceu Brasil por 2-0 (vídeo)

Simão abriu caminho pra uma saborosa vitória sobre o Brasil

A Selecção Nacional voltou a bater o pé ao Brasil num particular , desta vez com um triunfo por 2 a 0 e fez a festa no Emirates Stadium .

Este jogo para além da vertente desportiva de ter juntado duas das melhores selecções do Mundo , teve a magia de concentrar mais de 60 mil pessoas que falam a mesma língua num país neutro (Inglaterra) e ter sido uma verdadeira festa lusófona .

Mesmo sem os três "R" (Ronaldinho, Ronaldo e Robinho) , o Brasil impõe sempre respeito e o jogo na primeira parte demonstrou isso. As duas equipas trocavam a bola por vezes com pormenores deliciosos, o público gostava, mas as oportunidades escasseavam . A mais flagrante perteceu à canarinha com o defesa Lúcio a rematar à barra numa sobra na àrea portuguesa .
Mesmo assim Cristiano Ronaldo, sempre com uma atenção especial por parte dos espectadores, era o «homem do jogo» com arrancadas plenas de força e objectividade, mas que nem sempre encontrava correspondência nos restantes companheiros de equipa . (faz-me lembrar o Ronado do Brasil na 1º época no Barcelona...levava tudo à frente ! )

Ao intervalo Scolari trocou Caneira por Paulo Ferreira, e o defesa do Chelsea mostrou a segurança e tranquilidade que tão bem o caracterizam.
Curiosamente depois de Cristiano Ronaldo, hoje capitão de equipa, ter sido substituído é que Portugal marcou. Primeiro foi Simão Sabrosa que finalizou com grande categoria uma jogada em que Miguel recupera a bola e coloca em Quaresma, tendo o extremo português feito um compasso de espera até colocar a bola à disposição de Simão. O remate de primeira encontrou o caminho do golo e fez vibrar os muitos adeptos portugueses.

O Brasil tentou responder, foi para a frente , mas foi Ricardo Carvalho a aumentar a vantagem no minuto final , depois de Hugo Viana ter efectuado um cruzamento também do lado direito, e o central do Chelsea, curiosamente também de primeira, ter rematado para o fundo das malhas à guarda de Hélton. Um golo algo parecido com o de Simão e também de muito belo efeito .

Com esta vitória , Portugal repete novo triunfo sobre o Brasil , tal como há 4 anos no extinto estádio do Dragão e que vencemos por 2 a 1 com o golo da vitória a surgir dos pés de Deco . Esperamos que esta vitória seja o tónico para assumirmos o nosso favoristismo no grupo de apuramento para o Campeonato da Europa e onde teremos de somar vitória com a Bélgica e Sérvia .

Portugal 2-0 Brasil
Simão 82'
Ricardo Carvalho 90'




Foto: AP

Página Inicial

15 comentários:

  1. Jogo em que o Brasil começou melhor mas Portugal melhorou aos poucos. No final, um excelente golo de Simão depois de um bom passe de Quaresma e passado ums seis minutos, Hugo Viana assiste R.Carvalho para o 2-0.

    Destaque para Ronaldo pelo espectáculo, o Simão e o Quaresma também jogaram muito bem (era bom pensar em po-los a jogar ao mesmo tempo). Petit realizou uma boa exibição ao dobrar muito bem os centrais, que também estiveram muito bem (tirando os 15 primeiros minutos).

    Moutinho merece tirar o lugar a Tiago e Nuno Gomes, acho que não perderá o lugar para Postiga que (e por acaso a semelhança do Nuno Gomes) cai muitas vezes em fora de jogo...

    Uma victória a um Brasil que me parece mais consistente que o Brasil do mundial. Jogadores mais novos e mais rapidos. No entanto faltava ali Ronaldinho e Robinho que poderiam ter causado muito mais problemas a defesa lusa.

    ResponderEliminar
  2. Penso que Portugal jogou muito bem... Dois excelentes golos de Simão e Ricardo Carvalho.

    Esta exibição faz antever outras... É que ganhar ao Brasil não é para todas as equipas. Se os brasileiros esperavam falta de querer ganhar dos portugueses enganaram-se e muito!

    A equipa Sérvia é a mais difícil do nosso grupo. A mais completa, muito forte táctica e colectivamente. O seu poderio físico é conhecido. Se os nossos jogadores estiverem motivados não vejo motivos para Portugal não ganhar. LFS está de parabéns.

    ResponderEliminar
  3. O C.Ronaldo mentalmente está feito um senhor, assumiu a responsabilidade da braçadeira de capitão, assumiu a equipa, o jogo..a maior estrela em campo. Só um pequeno senão.Com Ronaldo em campo os jogadores portugueses intuitivamente canalizam todo o jogo para ele, logo fica a ideia de que selecção é Ronaldo e mais 10. Nada disso.. Selecção foram todos, de Ricardo a Nuno Gomes de Scolari a Carlos Silva!

    Portugal sem Ronaldo foi mais selecção, mais equipa, mais mexida e é isso que se pede á equipa de todos nós. Ronaldo é sem duvida um fenómeno, mas a equipa de todos nós tem de perceber que Ronaldo é só um e do outro lado estão onze jogadores. Passar por 3 pode ser fácil para ele, por todos é complicado. Quando saiu surgiram, Quaresma, Simao, Viana, Tiago, Petit, Carvalho.
    Mais equipa, menos individualismos. Quando a equipa perceber que ter Ronaldo é excelente, mas ter uma EQUIPA a jogar com Ronaldo é 11 vezes melhor.

    Ganhámos, controlámos, jogámos, marcámos 2 grandes golos.

    ResponderEliminar
  4. Mais uma vitória contra o grande Brasil...
    Parabéns Portugal

    ResponderEliminar
  5. o melhor de hoje: Petit, indiscutivelmente o melhor em campo (que bem que lhe fez o afastamento definitivo do fantasma do Costinha), Jorge Andrade (auspicioso regresso) e os olhos do Ricardo que desviaram 3 ou 4 bolas com selo de golo (é bom que não te habitues muito a fiar-te no "golpe de vista"; foi assim que começou a decadência de grandes GR como o Schmeichel e o Baía).

    Finalmente uma última nota: deve ser chato cum'ó caraças que o país com mais abundância de futebolistas de topo tenha sofrido 2 golos de uma equipa que já não tinha em campo as suas duas figuras mais mediáticas. Podemos ser menos, mas os que temos também são de excelente qualidade.

    ResponderEliminar
  6. Ganhamos ao Brasil num jogo amigável: Big deal!!!

    O que interessa são os jogos a doer.

    Mas este jogo foi bom para baixar algumas cristas...

    ResponderEliminar
  7. Ganhamos ao Brasil num jogo amigável: Big deal!!!

    O que interessa são os jogos a doer.

    Mas este jogo foi bom para baixar algumas cristas...

    ResponderEliminar
  8. Os comentários do Helder Conduto (RPP1) é que ja irritavam, acho que disse as alcunhas de mais de metade dos jogadores. A unica coisa que dizia de jeito era:

    "- E entra o imperador, tanque(...) parece um pouco pesado(...)o kaka precisou de ganhar peso mas o Adriano não precisa mesmo nada(...)ele está mesmo pesadinho!"

    E o outro gajo ajudava com: "É do trabalho de ginásio feito em Italia e da picanha que ele nao dispensa".

    Quando não se referia aos jogadores como o "Amarantino" ou o "homem de Barcelos"

    E a falar dos jogadores brasileiros era: o gaucho, o baiano, o paulino. Fogo ate metia nojo. E o gajo ate explicou donde é que vem o nome Tinga! o homem até sabe a história do TINGA!!! Meu Deus!

    ResponderEliminar
  9. Com um avançado matador e com um defesa esquerdo de qualidade, éramos sérios candidatos a ganhar qualquer competição internacional.

    Mesmo assim gosto de ti Portugal !

    ResponderEliminar
  10. A primeira parte foi muito equilibrada, mas com um ligeiro ascendente do Brasil principalmente nos primeiros minutos de jogo. Dominámos a segunda parte e golos surgem naturalmente .

    Nos destaques : Não faltam soluções nas alas com Quaresma, Ronaldo e Simão, três de qualidade mundial. Da maneira actual, Quaresma será o titular em detrimento do Simão, mas não se perde qualidade nenhuma entre os dois. A ponta de lança, julgo que Postiga deve agarrar o lugar em definitivo com o Nuno a entrar como substituto em jogos de maior aperto de golos. Postiga é o tipo de jogador que joga bem sozinho no ataque e nesse aspecto é a antítese do Nuno Gomes, é o jogador ideal para a selecção nesse aspecto, dado o jogo que praticamos.

    ResponderEliminar
  11. Na primeira parte o Brasil esteve melhor, mas no segundo tempo Portugal esteve bem e destaques para Petit, Simão, Quaresma, Ronaldo, Ricardo Carvalho e Paulo Ferreira.

    Temos uma grande equipa e com alas como Ronaldo, Quaresma e Simão, podemos produzir grande futebol.

    E o mágico hoje não esteve nos seus melhores dias e também acho que o Maniche tinha lugar na equipa em detrimento do Tiago.

    De resto temos equipa! E já agora Paulo Ferreira no lugar do Caneira, porque o Paulo fez um grande jogo, numa posição que não é a dele.

    ResponderEliminar
  12. Evandro Nogueira07 fevereiro, 2007 13:16

    Sou brasileiro e o que vi foi a vitória de uma equipe de ótima qualidade e já estabelecida contra uma outra ainda em formação, apesar de ter bons jogadores. Portugal foi melhor taticamente no segundo tempo, o que é normal, pois se trata de equipe já formada e com um técnico bem mais experiente. O que não entendi foi o C. Ronaldo destacado pela direita. Ele não teria de jogar mais na área e pelo meio??

    Um abraço a todos os amigos de minha segunda pátria: Portugal

    ResponderEliminar
  13. Viva Evandro Nogueira !

    Portugal está neste momento a passar por uma pequena revolução e tenta ainda formar um novo nucleo duro , depois das saídas de Figo , Costinha , Maniche e Pauleta .

    O último Mundial trouxe novidades e não estamos ainda a jogar ao melhor nível (como se prova a fase de apuramento para o Europeu), mas temos por certo jovens que poderão surgir a breve prazo nesta selecção . (Quaresma , Moutinho , Manuel Fernades ou Hugo Almeida )

    Quanto ao Cristiano Ronaldo , ele não tem posição fixa a jogar na Selecção . Normalmente joga pelos estremos (direita ou esquerda ) e só em casos especiais vai para o centro de ataque , à imagem do que faz no Manchester actualmente .

    Felecidades para o Brasil e que nos encontremos no Mundial na Africa do Sul 2010 .

    ResponderEliminar
  14. Gonçalo, tenho imenso prazer em ver Portugal numa Copa, pois, como disse, é minha segunda pátria (toda minha família é lusa). Não sei se você sabia, mas aqui no Brasil, durante a Copa da Alemanha, era muito fácil ver pessoas com camisolas de Portugal pelas ruas e o país parava para acompanhar nosso "segundo time".

    ResponderEliminar
  15. Evandro , por acaso tivémos ecos aqui em Portugal através da imprensa (TV/Jornais/Rádio) sobre a euforia que existia pela brilhante caminhada de Portugal no Mundial entre portugueses e brasileiros. Sei bem que existe uma grande comunidade de portugueses no Brasil .

    Como deves saber existe também neste momento em Portugal milhares de brasileiros que não perderam oportunidade de se juntarem aos portugueses nas grandes festas durante o mês da Copa .

    Sempre existiu uma grande empatia entre os nossos dois povos em relação ao futebol .

    Eu na minha adoloscência quando jogava as minhas "peladas" com os meus amigos (entre eles o Ricardo guarda-redes de Portugal e outros menos conhecidos como o Kali de Angola ,Rui Pataca do Montpellier ou Zé Pedro do Belenenses )tratavamo-nos pelos nomes dos craques brasileiros .

    Lembro-me bem de festejar e bem a vitória do Brasil em 94 e ficar triste no italia 90 com a derrota com a Argentina . Mas por outro lado vivi no antigo estádio da Luz em 1991 (tinha 16 anos) um dos grandes momentos com a vitória de Portugal frente ao Brasil no Mundial sub 20 e com 127 mil pessoas na Luz .

    Só por curiosidade jogavam o Rui Costa , Figo , Jorge costa , João Pinto . Do lado do Brasil o Èlber , Roberto Carlos , Paulo Antunes ....foi de arromba !

    ResponderEliminar

Home - Desportugal - Blog de Notícias Desportivas